França promete refazer Catedral de Notre-Dame

Foto: Stringer/AFP

Em um pronunciamento em frente à catedral, o presidente francês Emmanuel Macron disse que Notre-Dame será reconstruída. Ele também elogiou a coragem extrema e o profissionalismo dos bombeiros.

“Nós vamos reconstruir essa catedral, todos juntos. Uma campanha nacional vai ser lançada, e para além das nossas fronteiras. Nós faremos um chamado aos maiores talentos, que serão muitos e virão para reconstruir nossa Notre-Dame.” – Emmanuel Macron

“A Notre-Dame de Paris é nossa história, nossa literatura, nosso imaginário. O lugar onde nós vivemos nossos grandes momentos, nossas epidemias, nossas guerras, nossa libertação”, acrescentou Macron, que disse também que seus pensamentos estão com os católicos e com os parisienses.

“As próximas horas vão ser difíceis… mas o pior foi evitado”, afirmou ele, lembrando que não houve vítimas.

“Quero dar uma palavra de esperança a nós todos. Essa esperança é o orgulho que devemos ter. Orgulho por todos que evitaram o pior: nossos bombeiros”, afirmou o presidente.

‘Tudo está queimando’

O porta-voz da Notre-Dame, Andre Finot, explicou que a estrutura da “charpente” da catedral, um quadro interno construído parte no século 13 e parte no século 19, queimou completamente, e que “não deve sobrar nada” dessa parte. Segundo ele, o fogo teve início por volta das 18h50 em Paris (13h50 do horário de Brasília).

Após mais de quatro horas de trabalhos, o chefe dos bombeiros de Paris, Jean-Claude Gallet, informou que a estrutura da catedral foi finalmente declarada salva. “Podemos considerar que a estrutura da Notre-Dame está a salvo e totalmente preservada”, afirmou, segundo a France Presse.

Fonte G1