Macedense recebe “troféu Benedita da Silva” por pesquisa sobre anemia falciforme

 

A macedense, agente comunitária de saúde e graduada em Geografia, Antônia Ferreira, recebeu na manhã desta sexta-feira, na Assembleia Legislativa da Bahia, o Troféu Benedita da Silva – Pérola Negra. O prêmio é o reconhecimento do trabalho de Antônia no mapeamento realizado em sua graduação e pós-graduação sobre pessoas com anemia falciforme no município de Dom Macedo Costa. A anemia falciforme é uma patologia hereditária que acomete principalmente os afrodescendentes.

O prêmio Benedita da Silva foi criado em 2011 para homenagear mulheres negras que se destacam em várias áreas, como forma de resistência ao racismo. O trabalho de Antônia, após indicação feita pelo prefeito Egnaldo Piton, foi selecionado entre várias outras propostas na Bahia, que culminaram na escolha de 20 mulheres premiadas hoje.

O convite foi feito pelo Deputado Estadual Bira Corôa, que junto a outras autoridades, esteve do lado do prefeito Egnaldo Piton no evento. A cerimônia contou também com a presença da Deputada Federal pelo Rio de Janeiro, Benedita da Silva.