Simões Filho, Lauro de Freitas e mais três cidades da Bahia estão entre as 20 mais violentas do país

A Bahia tem cinco cidades na lista de 20 mais violentas do país, com ao menos 100 mil habitantes. Os dados, do ano de 2017, constam no “Atlas da Violência – Retratos dos Municípios Brasileiros”, levantamento divulgado hoje (5) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

A cidade que lidera o ranking é Maracanaú, no Ceará, com 145,7 homicídios para cada 100 mil habitantes. No ano do estudo, foram 308 pessoas foram assassinadas na cidade, que fica na região metropolitana de Fortaleza.

De acordo com a Agência Brasil, após Maracanaú, a lista de cidades mais violentas continua com: Altamira (PA), São Gonçalo do Amarante (RN), Simões Filho (BA), Queimados (RJ), Alvorada (RS), Porto Seguro (BA), Marituba (PA), Lauro de Freitas (BA), Camaçari (BA), Caucaia (CE), Nossa Senhora do Socorro (SE), Cabo de Santo Agostinho (PE), Marabá (PA), Ananindeua (PA), Fortaleza (CE), Mossoró (RN), Vitória de Santo Antão (PE), Rio Branco (AC) e Eunápolis (BA).

O estudo é um desdobramento do Atlas da Violência, que detalha os dados das 310 cidades médias e grandes do país. Confira aqui o levantamento na íntegra.

*M1