Polícia pede prisão de garis acusados de espancar economista na Pituba

Economista morto | Foto: Reprodução

A 16ª Delegacia da Pituba requereu a prisão de quatro garis da Limpurb, que são apontados como autores da agressão que terminou na morte do economista Luciano Rodrigues Vieira, 43 anos. Ele foi espancado na porta de casa, na Pituba, e teve morte cerebral. A Polícia Civil teve acesso às câmeras de segurança dos prédios da rua onde o economista residia e onde o crime ocorreu e identificou a briga. Os nomes dos funcionários da Revita, que presta serviço de limpeza à Limpurb, não foram informados.

*BN




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *