Estudantes doam cesta básica e criam vaquinha online para ajudar colega de escola na BA

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Uma surpresa para um jovem de 18 anos, que não tem onde almoçar, viralizou nas redes sociais pelo gesto de solidariedade de um grupo de alunos da escola filantrópica Fundação Bradesco, no bairro de Cajazeiras, em Salvador.

Os adolescentes se juntaram e compraram itens de cesta básica para ajudar Matheus Justino, que pertence a uma família humilde do mesmo bairro onde fica a escola e ainda fizeram uma vaquinha online para arrecadar doações para o jovem.

Matheus almoçava no colégio, pois não tem condições de voltar para casa, fazer a refeição e voltar à unidade de ensino para estudar. O ato aconteceu na sexta-feira (29).

Solidariedade

A surpresa foi feita após os estudantes serem comunicados pela Fundação Bradesco de que não seria mais fornecido o almoço na instituição de ensino devido a uma reestruturação das turmas. Matheus, então, se desesperou, conversou com os amigos e contou a situação da família.

G1 entrou em contato com a Fundação Bradesco, que informou que o órgão enaltece a iniciativa dos alunos, uma vez que trabalha com os princípios do respeito, igualdade, comprometimento, excelência e integridade durante toda a educação básica.

Entretanto, a instituição informou que a Fundação Bradesco é uma instituição privada, que não oferece ensino integral. Com isso, os alunos recebem a alimentação durante o período em que permanecem na escola.

Matheus é o terceiro de cinco irmãos. Humilde, a família mora perto da escola, mas em lugar de difícil acesso. Segundo ele, a escola oferecia lanches para os alunos nos dois turnos e o almoço às 12h. Por causa da decisão da direção de reestruturar as turmas, o almoço foi retirado do cronograma da unidade.

“Eu agradeço muito aos meus amigos por me ajudarem. Não consigo nem falar direito que começo a chorar, foi lindo a atitude deles. Foram meus anjos”, disse o garoto, emocionado.

Jovem ficou emocionado com surpresa de amigos da escola — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Jovem ficou emocionado com surpresa de amigos da escola — Foto: Reprodução/Redes Sociais

“Eu almoçava na escola, porque ficava para estudar. Tomava café em uma padaria perto da minha casa, que a dona me oferece de graça, porque às vezes temos pouco café, e é bom que meus irmãos, que são menores que eu, podem tomar também”, contou o estudante.

Matheus contou que, após a decisão da escola de suspender a entrega do almoço, revelou para alguns colegas de classe que não teria como fazer a refeição. Os estudantes então se reuniram e compraram uma cesta básica para ele. A surpresa foi feita após uma prova.

“Eu desci da prova e fui lanchar. Fiquei tão impactado com o lanche que fui com ele para a sala. Eu até peguei uma penca da banana para levar para a casa, mas me falaram que tinham uma surpresa para mim”, contou.

Os colegas de Matheus ainda descobriram que a mãe dele está desempregada, e que ele só se alimentava no colégio porque, quando tinha o que comer em casa, deixava para os irmãos mais novos. Pensando nisso, eles criaram uma vaquinha online.

Campanha

A campanha “Todos Por Teco” foi criada no sábado (30) e tem o objetivo de arrecadar R$ 10 mil para ajudar a mãe do garoto a custear despesas e dívidas. Até por volta das 18h desta segunda-feira (1º), a vaquinha já tinha arrecadado pouco mais de R$ 5,2 mil.

“Minha mãe está desempregada agora, mas me sustentou trabalhando como doméstica, e o meu pai morreu quando eu tinha 1 ano. Isso dificultou um pouco, pois ela precisa sustentar a gente sozinha”, lembrou.

Turma arrecadou alimentos para Matheus  — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Turma arrecadou alimentos para Matheus — Foto: Reprodução/Redes Sociais

“Ela [a mãe] não gosta muito de falar sobre essas coisas, mas eu sempre me abro com meus amigos. Eu conversava com meus amigos, falava das dificuldades, às vezes comia na casa de meus amigos, para todo mundo [da família] conseguir comer na minha casa”, completou.

Depois de terem conhecimento de toda a história de Matheus, cerca de 10 jovens se reuniram e organizaram a vaquinha online. No momento, eles não acreditavam que o vídeo divulgado nas redes sociais faria sucesso.

Turma se reuniu e montou cesta básica para ajudar colega em Salvador — Foto: Reprodução/Redes SociaisTurma se reuniu e montou cesta básica para ajudar colega em Salvador — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Turma se reuniu e montou cesta básica para ajudar colega em Salvador — Foto: Reprodução/Redes Sociais

“A vaquinha está dando certo. A gente não consegue acreditar, não consegue chorar, não consegue fazer nada, só agradecer”, disse Victória Coelho, de 17 anos.

A adolescente é amiga de Matheus e uma das pessoas que decidiram juntar a sala para fazer a surpresa. Victória disse que a situação apresentada pelo amigo foi decisiva para que eles pudessem ajudar.

“Ele estava passando uma situação muito complicada e resolveu contar para a gente. Ele mora com a mãe e quatro irmãos em um apartamento e sobrevivem com a ajuda do Bolsa Família e alguns bicos que a mãe faz”, contou a garota.

A menina revelou ainda que o momento da surpresa para Matheus ficará para sempre na memória dela. A adolescente disse que a classe está muito orgulhosa em saber que a luta da família do jovem virou a de pessoas do Brasil inteiro.

“A gente resolveu ajudar sem ele saber. A gente terminou a prova, se reuniu, levou ele na sala e ele tomou um susto. Não sabíamos que ia repercutir tanto, a galera está ajudando bastante, graças a Deus”, afirmou.