Justiça pede suspensão do concurso da Câmara de Feira de Santana

A Justiça ordenou nesta terça-feira, 3, que o concurso público da Câmara de Vereadores de Feira de Santana, município a 109 km de Salvador, seja suspenso após a empresa que foi escolhida para organizar o certame reivindicar a licitação. O concurso foi anunciado no dia 1º de março.

A determinação foi do juiz Roque Rui Barbosa, da 2ª Vara da Fazenda Pública. Decisão prevê que a câmara retome o processo licitatório cancelado no final do ano passado.

A Câmara de Vereadores da cidade afirmou que vai recorrer da decisão da Justiça e informou que as inscrições do concurso continuam abertas até uma nova decisão.

O concurso

Serão 37 vagas para os cargos de analista de sistema de rede, auxiliar Legislativo – II, administrativo, contador, fotógrafo legislativo, intérprete de libras, motorista, procurador jurídico adjunto, redator de debates, redator de notícias e técnico de suporte em informática.

Os valores cobrados para taxa de inscrições, custam R$ 44 para nível médio e RR 74 para superior.

*ATarde