Secretário da Câmara de Itapé tem assinatura falsificada

Foto: Reprodução / Toda Bahia

O primeiro secretário da Câmara de Vereadores de Itapé, Cledson Gomes Alves, conhecido como “Pocado” teve a assinatura falsificada em dois cheques da câmara que entraram em uma agência do Banco do Brasil, nos valores de R$ 2.400 e R$ 2.480. Em conversa com a reportagem, o secretário informou que os cheques retornaram depois que a assinatura não foi reconhecida. “Quando soube que os cheques retornaram pude ver que não se tratava da minha assinatura e diante disso eu fiz uma denúncia no Ministério Publico”, afirmou. O caso segue em apuração para descobrir quem falsificou a assinatura. De acordo com o secretário, as pessoas que estavam com o cheque disseram que receberam a ordem de pagamento do presidente da Câmara, Nilton Rosa Pinto. “Fiquei sabendo através de populares. Eu também solicitei a microfimagem do banco e através dela pude constatar que realmente havia entrado dois cheques no banco”, contou o secretário.

*BN