Torcedor do Vitória é agredido dentro de ônibus a caminho do Barradão

Por: Divulgação

 

Um torcedor do Esporte Clube Vitória foi agredido por três homens dentro de um ônibus, na tarde de sábado (24), quando estava a caminho do estádio Manoel Barradas (Barradão) para assistir ao jogo entre o rubro-negro e Operário, válido pela Série B do Campeonato Brasileiro.

A vítima faz parte de uma torcida do Vitória chamada “Os Gladiadores”. De acordo com a diretoria da torcida, o rapaz relatou que teria sido agredido por torcedores da organizada do Bahia, a Bamor. O torcedor contou ainda que os agressores roubaram a camisa dele, que não era de torcida organizada, e o ameaçou de morte.

Apesar do dirigente da torcida informar que os agressores foram da BAMOR, o site não conseguiu, até a publicação da matéria, confirmar a versão dada.

Ainda de acordo com a liderança da torcida, ao BNews, no mesmo dia ocorreu o apedrejamento do ônibus, que levava crianças e famílias que também iam para o Barradão. “Tiveram que se abaixar”, lembrou um dos líderes.

A torcida chegou a emitir uma nota de repúdio, no Instagram, após o ocorrido. “Boa tarde venho informar a todos que nossos membros, foram atacados covardemente pela torcida Bamor, a pouco tempo na Brasilgas, e apedrejaram um ônibus aonde estavam alguns torcedores, tomaram a camisa de um dos nossos amigos e fomos ameaçados de morte, isso é inaceitável, Pois somos uma torcida da família, aonde participam Pais de família, mães, crianças , e idosos. Somos da paz, não aceitamos qualquer tipo de violência, tomaremos providências judiciais sobre tal fato. É lamentável nos dias hoje pessoas se comportem iguais a animais irracionais. Nosso torcedor está traumatizado e afirma não ir mas ao Barradão. NÃO A VIOLÊNCIA!”.

View this post on Instagram

Boa tarde venho informar a todos que nossos membros, foram atacados covardemente pela torcida Bamor, a pouco tempo na Brasilgas, e apedrejaram um ônibus aonde estavam alguns torcedores, tomaram a camisa de um dos nossos amigos e fomos ameaçados de morte, isso é inaceitável, Pois somos uma torcida da família, aonde participam Pais de família, mães, crianças , e idosos. Somos da paz, não aceitamos qualquer tipo de violência, tomaremos providências judiciais sobre tal fato. É lamentável nos dias hoje pessoas se comportem iguais a animais irracionais. Nosso torcedor está traumatizado e afirma não ir mas ao Barradão. NÃO A VIOLÊNCIA! #ecvitoria / #ecv / #fechadocomoecv / #futbol / #futebol / #pegaleao / #salvadorbahia / #salvador

A post shared by Os Gladiadores (@osgladiadoresoficial) on

A vítima da agressão voltou para casa após o ocorrido e, segundo o líder da torcida, está abalada e não quer falar sobre o assunto. “Estamos tentando convencer ele a prestar queixa. Esperando ele se acalmar um pouco. Está assustado e nervoso”.

O responsável pela torcida aproveitou para fazer o apelo. “Situação terrível. A pessoa está indo para o estádio e acontece uma fatalidade dessa. Somos uma torcida tranquiula com famílias, crianças, idosos e mulheres”, concluiu.

 

*BocãoNews