Livro em mochila salva estudante durante tiroteio que matou sete no CE

© Arquivo pessoal

Por pouco, um ato de violência não se transformou em tragédia. Graças a um livro, um estudante não foi atingido por um tiro, quando corria de um tiroteio na Praça da Gentilândia, no bairro Benfica, em Fortaleza, onde sete pessoas foram mortas na última sexta-feira (9).

“Os caras [autores do crime] chegaram atirando na região onde ficam as barracas de carne [da Praça da Gentilândia] e depois foram se aproximando mais das pessoas e atirando. Foi onde acertaram um homem e uma mulher. Depois um cara moreno com [um revólver calibre] 38 deu um tiro pro lado da esquina, que possivelmente acertou minha mochila”, contou ao G1 o rapaz, que preferiu não se identificar.

O universitário só foi perceber que foi salvo na manhã desta segunda-feira (12), quando arrumava a mochila para ir à faculdade e viu a obra “Introdução à Mecânica dos Fluidos” perfurada por um projétil.

*NM