Bolsonaro revoga instalação de mais de 8 mil radares: “Maioria têm o único intuito de retomo financeiro ao estado”

A instalação dos cerca de oito mil radares em rodovias federais foi revogada pelo presidente Jair Bolsonaro. O anuncio foi feito neste domingo (31) pelo próprio Bolsonaro no Twiter, que afirmou ter determinado de imediato o cancelamento das instalações:

“Após revelação do @MInfraestrutura de pedidos prontos de mais de 8.000 novos radares eletrônicos na rodovias federais do país, determinei de imediato o cancelamento de suas instalações. Sabemos que a grande maioria destes têm o único intuito de retomo financeiro ao estado”, escreveu Bolsonaro.

Ele afirmou ainda que os contratos das concessões de trechos rodoviários deverão ser revisados para verificar “a real necessidade de sua existência para que não sobrem dúvidas do enriquecimento de poucos em detrimento da paz do motorista”.

Em março Bolsonaro havia prometido acabar com as lombadas eletrônicas do país e afirmou que “é quase impossível viajar sem receber uma multa”. Na época, a Associação Brasileira das Concessionárias de Rodovias (ABCR) rebateu as declarações e afirmou que não há repasse de valores de multas a concessionárias.

*VN