Acadêmicos de Enfermagem, Fisioterapia e Educação Física da FACEMP participam da cerimônia do jaleco; veja fotos

A Facemp realizou na noite desta quarta-feira (11), no auditório do Parati Palace Hotel, a cerimônia de entrega de jalecos para os estudantes ingressos nos cursos de Enfermagem, Fisioterapia e Educação Física.

“É o momento que recebemos os nossos alunos e fazemos uma homenagem e simbolismo a nossa profissão que usamos o jaleco como uma forma de identificação e proteção nos cuidados com os nossos pacientes”, destacou a coordenadora do curso de Enfermagem, professora Juliana Miranda.

O evento é o marco inicial dos cursos da área de saúde da instituição, além de ser o momento em que os alunos e seus familiares são recepcionados e apresentados à futura profissão. A cerimônia incentiva os estudantes a se dedicarem ao cuidado com o próximo e reconhecerem o papel do profissional com o bem estar dos pacientes.

Os calouros aproveitam o momento e através de apresentações criativas expressam a alegria em iniciar uma nova jornada em suas vidas. “Estamos muitos felizes com as apresentações e de iniciar mais um semestre com tantas homenagens. Os alunos trazem sempre paródias e simbologias para o curso. O que é mais importante é a gente entender que passou pra eles que precisamos ter amor a profissão, aquilo que escolhemos e servimos ao próximo”, pontuou a coordenadora do curso de Fisioterapia, professora Lívia Mendonça.

Já a coordenadora do curso de Educação Física, professora Hallana Ferreira lembrou que mesmo em um curso em que o número de permanência é menor, a dedicação aos estudos não se reduz a isso e que recepções como essa são essenciais para o incentivo a profissão. “Percebemos o quanto estão empenhados para iniciar de pé direito essa formação. Realmente é um curso que não tem a tradição da conclusão de todos aqueles que ingressam, mas estamos fortes e unidos para que tenham melhor qualidade no ensino”, disse.

Motivado com a graduação, o estudante Jailson explica que é preciso se dedicar e valorizar a escolha da futura profissão. “É uma sensação única e um momento emocionante a cerimônia do jaleco. A gente para e pensa que vamos cuidar de vidas e ajudar pessoas. Honrar professores, pais e nossa família que nos incentiva na longa jornada pela frente”, frisou.

A tradição da entrega dos jalecos aos estudantes, promove também a união dos cursos da área da saúde e ressalta a importância do acolhimento, humanização  e comprometimento dos futuros profissionais.

Veja fotos: