Polícia Civil prende suspeito de matar rival por disputa de ponto de drogas, em Amargosa

Imagem ilustrativa

Homem é preso acusado de homicídio em Amargosa. Segundo informações do Criativa Online, a Polícia Civil cumpriu mandado de prisão preventiva na tarde desta quinta-feira (14), de um jovem de 20 anos, acusado de ser um dos autores da morte de Demerval Oliveira, vulgo Dedeu. Ainda conforme a polícia, o jovem é acusado de participar do homicídio de Gilmar Cunha da Silva ocorrido em 2016, e ainda já foi preso por tráfico de drogas no referido município, além de praticar assaltos em algumas cidades da região. O caso de Demerval Oliveira foi tratado inicialmente pela polícia como desaparecimento, mas descobriram que ele havia sido sequestrado. Ao iniciar as buscas, a polícia encontrou o corpo na localidade rural de Tabuleiro do Córrego de Corta Mão. Demerval foi torturado, teve partes do corpo arrancadas e depois assassinado. O corpo foi encontrado escondido numa densa área de vegetação oito dias depois do crime. De acordo com a polícia, a motivação foi após a saída de Demerval do presídio, acusado de tráfico de drogas, e por disputa de território de venda de entorpecentes, os rivais o executaram. O suspeito de envolvimento no crime responderá por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver e será encaminhado para o presídio regional.