Polícia indicia segurança acusado de sufocamento em supermercado no RJ

Foto: Fernando Frazão / Agência Brasil

A Polícia Civil do Rio de Janeiro indiciou por homicídio com dolo eventual o segurança Davi Amâncio, acusado de matar um jovem por sufocamento em um supermercado. O inquérito será encaminhado à Justiça.

 

O jovem Pedro Henrique Gonzaga foi morto dentro do supermercado Extra depois que Davi o imobilizou com um ‘mata-leão’. O segurança alega que o jovem tentou roubar a sua arma e aplicou o golpe para se defender.

*BN