Luiz Fux vota contra habeas corpus de Lula; placar é de 5×1 contra o petista

Foto: Divulgação/STF

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), votou contra a concessão do habeas corpus de Lula (PT) na noite de hoje – o placar é de 5×1 a favor da prisão do ex-presidente.

Em seu discurso, o magistrado argumentou que a jurisprudência do tribunal tem que ser “íntegra, coerente e estável”.

A presunção da inocência foi um dos motivos alegados para a decisão. “Um homem é inocente até que a acusação comprove a sua culpa. Comprovada a sua culpa, evidentemente que essa presunção cai”, declarou.

Votos – O relator do pedido, o ministro Edson Fachin negou o pedido da defesa, e foi acompanhado por Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso e Rosa Weber.

Por enquanto, o único voto a favor do petista foi do ministro Gilmar Mendes.

Restam os votos de Carmén Lúcia, Dias Toffoli, Celso de Mello, Marco Aurélio e Ricardo Lewandowski

 

*M1