Robinson rebate líder do PSL: “lixo é seu desgoverno, respeite a Bahia e os baianos”

O deputado estadual Robinson Almeida (PT-BA), em post no Twitter, rebateu, com indignação, o que considerou “absurda, agressiva e desrespeitosa” declaração do líder do PSL na Câmara Federal, deputado delegado Waldir, que chamou a “Bahia de lixo governado pelo PT”. O parlamentar do Estado de Goiás, um dos principais representantes do presidente Jair Bolsonaro no Congresso Nacional, expressa, na avaliação do deputado baiano, “o preconceito explícito do seu chefe, Bolsonaro”.

“Deputado Waldir, líder do PSL, lixo é o governo do qual o senhor faz parte, que tanto mal faz ao Brasil e ao povo brasileiro. Respeite a Bahia, os baianos e o Nordeste”, escreveu o parlamentar baiano, que destacou a gestão do governador Rui Costa como “referência nacional de gestão, de formulação e execução de políticas públicas que mudam, pra melhor, a vida dos baian@s”.

Nordeste – A declaração foi feita durante discussão em reunião da Comissão de Educação, em que o deputado goiano também chamou estudantes de escolas e universidades públicas de “maconheiros”. A polêmica acontece dias antes do presidente cumprir agenda institucional no Nordeste, quando está prevista, na sexta-feira (24), a entrega de casas populares em Petrolina, Estado de Pernambuco, que faz divisa com a baiana Juazeiro, no Vale do São Francisco.

Foto divulgação  / Agência ALBA