Wagner detona Lava Jato após mensagens sobre Lula: ‘Lama Jato’

O senador Jaques Wagner (PT) detonou a operação Lava Jato após reportagem do jornal Folha de São Paulo sobre conversas que põem em xeque tese de que ex-presidente Lula Inácio Lula da Silva (PT) agiu para travar investigações.
“Com estas revelações, a operação já merece ser rebatizada: Lama Jato. E os membros da quadrilha, todos processados”, afirmou Wagner, em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo.
A reportagem mostra que conversas de Lula gravadas pela Polícia Federal em 2016 e mantidas em sigilo desde então enfraquecem a tese de Sergio Moro para justificar a decisão mais controversa que tomou como juiz da Lava Jato. Na ocasião, ele tornou público um diálogo em que a então presidente Dilma Rousseff (PT) teve com Lula, levando a anulação da posse dele na Casa Civil pelo STF.
Para a Lava Jato, a ligação mostrava que a nomeação visava travar as investigações sobre ele. Mas registros analisados pela Folha e pelo Intercept mostram que outras ligações interceptadas naquela dia, e mantidas em sigilo, punham em xeque a hipótese adotada.

*BN




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *