PROGRAMA DO VALENTE: Após 24 anos radialista Edilson Oliveira se despede da Andaiá FM

 

 

O programa do Valente, transmitido ao vivo, às 18h, pela Andaiá FM é o primeiro programa de rádio transmitido simultaneamente pelo Facebook e Instagram. O programa tem apresentação de Leo Valente e Paulo Sérgio, apoio técnico de Sidney Silva, reportagem de Leozinho Valente e edições de imagens de Denilson Souza.

Nesta sexta-feira (15) o radialista Edilson Oliveira foi homenageado no Programa do Valante pelos colegas Leo Valente, Sidney Silva, Roque Santos e  pelos ouvintes, em sua despedida da rádio Andaiá.

Edilson falou da emoção de ter começado a história da rádio, inclusive está na emissora há mais tempo do que alguns dos atuais diretores e ajudou a construir a história da rádio.

Leo Valente destacou  que Edilson Oliveira “deu a cara à rádio Andaiá, assim como à outras emissoras baianas”.  Segundo ele, desde a voz padrão da Andaiá até a escolha das letras e a plástica da rádio têm como responsável, Edilson Oliveira, que, inclusive, já foi convidado para trabalhar em outras emissoras da capital.

Considerado um ícone do rádio em Santo Antônio de Jesus, Edilson Oliveira destacou que, geralmente, quando alguém sai de uma emissora, as pessoas imaginam que foi por conta de demissão ou desentendimento; mas ressaltou que ele sai no melhor clima possível e que vai manter algum tipo de vínculo com a rádio, bem como vai continuar fazendo parte da família Andaiá FM pela relação construída com os seus colegas.

Também participaram do programa o advogado Dr. Rodrigo Motta e o empresário Walter Espínola que comentaram as polêmicas da semana, juntamente com Edilson Oliveira que deu sua opinião. Dentre os assuntos discutidos, destacam-se: o preço dos combustíveis em Santo Antônio de Jesus; a declaração polêmica da ministra Damares Alves; o julgamento da criminalização da homofobia pelo STF e a situação de Bibiano no governo Bolsonaro.

Confira aqui:

*Blog do Valente