Médicos estudam nova técnica que pode acabar com a leucemia

Foto: Reprodução

Os estudos em casos de leucemia avançam na Fundação Hemocentro de Ribeirão, no Centro de Terapia Celular (CTC/USP). Segundo informações do G1, pesquisadores aguardam realizar a partir de 2019 os primeiros testes de uma nova técnica que pode levar até a cura da doença. Ao todo são 20 cientistas que investigam formas de reduzir os efeitos colaterais do tratamento, sem que haja muitos custos para isso. O procedimento foi desenvolvido pela Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos, já é realizado, mas custa cerca de R$ 1,5 milhão por paciente. A técnica que promete aliviar o tratamento dos casos de câncer e até eliminá-lo é feita a partir da modificação do linfócito do próprio sangue do paciente.

*BN