SAJ: demora do SUS leva paciente a fazer sacrifício e pagar R$ 5 mil em cirurgia no hospital particular

A demora do atendimento pelo SUS (Sistema Único de Saúde) tem complicado a vida de muita gente que depende dos serviços. Como é o caso do senhor Manoel Bispo que precisou fazer biopsia da próstata. Em contato com o radialista Léo Valente, a esposa Neide dos Santos explicou que dia 25 de novembro tentou marcar a biopsia e só conseguiu vaga para dia 15 de fevereiro. “Nesse intervalo trancou a urina, ele ficou usando sonda, foi ao hospital duas vezes, aí perguntei a moça se tinha alguma data mais próxima por causa da situação dele e ela disse que não”, comentou. Devido a urgência, amigos e parentes juntaram uma quantia e fez a biopsia particular no valor de R$ 980,00. “Graças a Deus não deu câncer, mas ele tinha que fazer a cirurgia e pelo SUS só em Salvador. No exame constou que ele tem uma bactéria, o médico tirou a sonda e internou ele no Hospital Regional. Está tomando medicamento e acredito que segunda ele vai ter alta”, explicou. Em um hospital particular da cidade, D. Neide encontrou o valor de R$ 5.110,00 para fazer a cirurgia a laser. Sem condições para pagar, amigos estão arrecadando dinheiro para realizar com urgência a cirurgia. “Não tem como esperar pelo SUS pela demora, mesmo sem condições vamos ter que fazer particular”, disse. Este é mais um de tantos casos de pacientes que precisam fazer exames e só conseguem vaga com meses ou até anos depois. Numa pesquisa realizada pelo Varela Notícias em 2015 aponta que uma das possíveis causas para a lentidão da regulação nos hospitais públicos da Bahia é causada pelo próprio sistema, ou seja, o processo é realizado pelos médicos através do telefone e faz, podendo levar meses e até anos para conseguir uma vaga. Ainda de acordo com a pesquisa, a Central Estadual de Regulação (CER), recebe demandas como solicitações de internações, exames, procedimentos cirúrgicos e avaliações com especialistas das diversas unidades de saúde do estado.