E diziam que a culpa era de Waldir Pires.

Da Seção Radar da revista Veja:

Nelson Jobim conseguiu, finalmente, mandar Milton Zuanazzi para casa. Os problemas que ele tem pela frente, contudo, são maiores que a substituição de um incompetente da Anac. Em primeiro lugar, a questão dos controladores de vôo está longe de ter sido resolvida. Segundo o alto-comando da Aeronáutica, os controladores têm aproveitado os dias de clima mais instável para atrasar os vôos. Não é só. Os aeroportos brasileiros estão desrespeitando uma norma internacional que exige a realização de inspeções automáticas para a detecção de explosivos e armas nas malas despachadas nos aviões que vão para os EUA e a Europa. O prazo dado pelas entidades internacionais expirou em janeiro. Em volta de Jobim só há abacaxis – estragados