“Quando somos abandonados pelo mundo a solidão é superável, quando somos abandonados por nós mesmos, a solidão é quase incurável”.

Yuri Pithon

Como no mundo de hoje o ser humano encontra-se a cada dia mergulhado na solidão do seu introspectivo, o egocentrismo é a pegada da vez. Depois da internet, tv a cabo, criminalidade em alta, e sem dúvidas, achatamento econômico gerando contenção de despesas, o bicho homem se enjaulou. Alheio a tudo e a todas as coisas que nos cerca, sobrevivemos sonhando promessas, sem caras pintadas, apenas expectativas de dias melhores, sem esta palavra que toma conta, a todo momento dos veículos de comunicação,”O ROUBO”… TEXTO COMPLETO.