A relação Governo do Estado e os grupos políticos de Santo Antônio

Houve um tempo, do qual não sentimos saudades, no qual os três principais grupos políticos da cidade apoiavam o a cúpula que comandava o estado. O prefeito Álvaro Bessa e os grupos Jacú e Beija-flor, apoiavam, defendiam o grupo carlista brigavam por cargos, por autorias de obras e até tentavam atrapalhar obras conseguidas pelo grupo adversário. Os governadores carlistas não atendiam a um pedido do ex-prefeito prefeito Renato Machado, com medo de desagradar a Dr. Urcisino. Assim ocorreu com Álvaro Bessa. Algumas obras prontas para sair eram travados a pedido de lideranças políticas de Santo Antônio, pois o medo do crescimento do seu adversário era maior que sua vontade de ver a cidade crescer. Álvaro Bessa rompeu com o grupo carlista a as coisas melhoraram para Santo Antônio. Velhas promessas forma cumpridas como a construção do colégio modelo Luis Eduardo Magalhães, fábricas e o asfalto do centro da cidade entre outros. É bom lembrar que estas obras teriam sido conseguidas pela oposição municipal que na esfera estadual era situação. Muito embora os méritos fossem dados a Álvaro Bessa, pois segundo o povo o governo do estado só acordou para Santo Antônio porque Álvaro Bessa rompeu com ele.