Presidente da UPB chama atenção para os gastos em festas juninas

“Não posso falar em exagero por problemas éticos, porém acho os valores extraordinários”. Esta é a opinião do presidente da União dos Municípios da Bahia(UPB) e prefeito da cidade de Santo Estêvão, Orlando Santiago, a respeito dos investimentos milionários em festas juninas na Bahia. Segundo ele, durante os festejos juninos, alguns prefeitos acabam sacrificando outros segmentos importantes do município para realizar megaeventos. “Mas a UPB não entra nessa questão. Apenas aconselhamos os prefeitos a serem bons exemplos e a agirem da melhor forma possível”, disse Santiago. O advogado da entidade, Marcelo Neves, explica que nenhuma lei proíbe ou limita o uso de dinheiro público para a festa de São João. Segundo Neves, os prefeitos só não podem realizar shows sem qualquer motivação ou pedir votos abertamente antes e durante as apresentações.