Justiça eleitoral vai gastar milhões com a eleição na Bahia

As eleições municipais na Bahia vão custar para a Justiça Eleitoral R$ 12,67 milhões, segundo dados divulgados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA). No total, o estado tem 9.153.703 eleitores divididos em 9.853 locais de votação e 417 municípios. Ainda segundo dados do TRE-BA, o estado terá 129.381 pessoas envolvidas no processo eleitoral, sendo 122.616 mesários (quatro para cada uma das 31.757 seções) e 879 técnicos de urna. Até esta quinta-feira (24), conforme últimos dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o estado tem 1.278 inscritos para prefeito (e o mesmo número para vice-prefeito) e 26.473 para o cargo de vereador. Em Salvador, são 880 concorrendo a 41 cargos de vereador, 5 para prefeito e 5 para vice-prefeito. Os números, porém, podem sofrer alterações porque nem todos os cartórios eleitorais finalizaram a inserção de dados no sistema. A Justiça Eleitoral tem até o dia 16 de agosto para julgar e publicar na imprensa oficial todos os pedidos de registros de candidatos, incluindo os que forem impugnados.

Fonte: G1