Presidente do STF liberta novamente Daniel Dantas

Mais uma vez o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Gilmar Mendes, mandou soltar o banqueiro Daniel Dantas, que havia sido preso pela segunda vez na quinta (10), pouco depois de ter recebido um habeas corpus do STF – também concedido por Mendes. Nesta sexta-feira (11), o ministro suspendeu a prisão preventiva decretada contra Daniel Dantas pela 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo e mandou expedir alvará de soltura em nome do banqueiro. Na petição, a defesa argumentou que a Justiça Federal paulista decretou nova prisão do banqueiro “visando apenas desrespeitar a decisão do STF”.