Adiada no Fórum Wilde Lima sessão de apreciação das denúncias do grupo de Humberto

Ficou para outra ocasião a primeira sessão com o juiz eleitoral da 56a Zona Eleitoral para apreciar uma série de processos com denúncias acerca de irregularidades que teriam sido cometidas durante o período eleitoral.   A primeira sessão a ser realizada com esta finalidade estava marcada para esta quinta feira ( 23 ) a partir das 9hs da manhã mas foi adiada por ordem judicial e motivos ainda não devidamente esclarecidos. Nos processos impetrados na justiça pelo grupo de Humberto contra seu principal adversário constam queixas de abuso de poder econômico, compra de votos e uso da máquina administrativa pública em proveito próprio.  Segundo Geraldo Reis, presidente do PMDB municipal e um dos principais articuladores do grupo, o objetivo das denúncias é de cassar a candidatura ou mesmo a diplomação do prefeito eleito de Santo Antônio de Jesus.   Participando por telefone do programa Levante a Voz de quarta feira ( 22 )  o assessor jurídico da Prefeitura Municipal Dr. José Reis Filho refutou o teor das denúncias e qualificou os processos lançados como “choro de perdedor”.