Funcionários da Coelba de Santo Antônio podem aderir a greve

Uma paralisação de advertência motivada por falta de acordo entre eletricitários e direção da Coelba já está marcada para acontecer no início da semana que vem.  A paralisação, de 48 horas, poderá se converter em greve caso a pauta de reivindicações da categoria não seja atendida. Segundo a diretoria municipal do Sindicato dos Eletricitários da Bahia, os servidores da agência da Coelba de Santo Antônio de Jesus também deverão cruzar os braços em apoio à paralisação estadual, muito embora com a promessa de continuarem 30% dos trabalhadores mantendo as funções essenciais de funcionamento da empresa de energia.