Projeto Papai Noel dos Correios traz esperanças para milhares de crianças do Brasil

 

 “Querido Papai Noel, escrevo esta cartinha para dizer…” É dessa forma que milhares de crianças carentes, todos os anos, iniciam suas cartinhas enviadas ao bom velhinho na expectativa de uma resposta. Cada uma delas, recheada de esperança. Através  do projeto Papai Noel dos Correios ajudamos a manter a magia do Natal.  Com o apoio dos funcionários e da população, os pedidos feitos são “adotados” e transformados em realidade   por meio de nós, Papais Noéis disfarçados de empregados e clientes,  que existem pelo Brasil a fora. A iniciativa surgiu de uma atitude espontânea de empregados, em 1997 quando os carteiros não sabiam o que fazer com as centenas de cartas endereçadas ao PAPAI NOEL. Sensibilizados com o conteúdo de algumas delas, os empregados adotavam os pedidos por meio de uma AÇÃO SOLIDÁRIA entre colegas. O tempo passou,  outras pessoas também se envolveram e a cada ano aumenta o número de cartas. Só em 2007 chegaram cerca de 231mil, vindas de todo o País. E todas receberam de volta uma mensagem do nosso Papai Noel.

Quem  quiser  e puder   ajudar,  pode    ir  à  agência  dos   correios   de  Santo Antonio de Jesus  e ler  as cartinhas. Escolha aquela com que mais se identificar. Se  preferir, entre em contato que levaremos até você algumas cartas. Mas alertamos: haja coração! O que tem de criança pedindo comida, emprego para a mãe, caderno para estudar etc, é duro…  Até colchão para dormir… Uma sandália por não ter nada o que calçar… Após a adoção da carta, é só  entregar o presente na agência dos  correios,  que o papai Noel dos correios fará a distribuição.  O doador receberá uma correspondência de agradecimento e o número do objeto para confirmação da data de entrega do presente. Divulgem essa idéia entre os amigos! Afinal, não custa nada pra quem manda um e-mail ou divulga, mas pode significar “tudo” para essas crianças. Contamos com sua ajuda! Maiores informações, contactar com: ANA, AMARILDO OU JÚNIOR [email protected] Fone: 75 3631-9062/ 3632-0266/3631-9868/ 8815-0540

Texto enviado por Mateus Oliveira – Colaborador Voluntário do Projeto.