Prefeitura de Salvador lamenta incidente no Bonfim

A Assistência Militar da Prefeitura do Salvador divulgou agora há pouco nota lamentando o incidente ocorrido na manhã de hoje, no trajeto do cortejo da Lavagem do Bonfim, envolvendo um segurança contratado para reforçar o apoio dado ao prefeito João Henrique, durante os festejos. Segundo a nota, desde a saída, em frente a Igreja da Conceição da Praia, um pequeno grupo de manifestantes, representantes da entidade ligada aos trabalhadores em Processamento de Dados, seguia a comitiva da Prefeitura, protestando com provocações. Estava programada a saída do prefeito do cortejo nas proximidades do Moinho Salvador. No momento em que João Henrique se dirigiu ao carro que o aguardava, o grupo tentou furar o esquema de segurança. A partir daí, relata o texto, se deu confusão, com o segurança sendo agredido com um pontapé. Nessa altura, com os ânimos alterados, o segurança revidou a agressão do manifestante. Vendo o colega caído no chão, os manifestantes começaram a gritar palavras de ordem e uma multidão correu atrás do segurança. Durante o tumulto, um policial civil, pertencente ao grupo do delegado Arthur Gallas, disparou um tiro para o alto. Para evitar qualquer tipo de distúrbios o segurança foi retirado do local em um carro da Assistência Militar.

 

Fonte: Bahia Notícias