Bahia está em dia com o calendário da Fifa para a Copa 2014

O secret?rio extraordin?rio para assuntos da Copa do Mundo, Ney Campello, participou, nesta quinta-feira (4), no Minist?rio do Esporte, da primeira reuni?o do Comit? de Responsabilidades da Copa 2014. Ele informou que a Bahia saiu na frente e est? em dia com os preparativos para as obras de constru??o do novo est?dio da Fonte Nova, seguindo as exig?ncias da Fifa. O Governo do Estado tamb?m foi o primeiro a criar uma secretaria especialmente voltada ao planejamento e articula??o de todas as a??es e projetos ligados ao evento, visando tamb?m a Copa das Confedera??es de 2013.
Ao lado dos representantes das outras 11 cidades-sede, dos ministros do Esporte, Orlando Silva, e do Turismo, Luiz Barreto, o secret?rio debateu a instala??o e funcionamento do Comit? de Responsabilidades da Copa 2014, assim como o monitoramento de informa??es sobre o andamento das obras e projetos e encaminhamento dos financiamentos dos est?dios e dos projetos de mobilidade urbana.
Campello relatou as a??es j? desenvolvidas pelo Governo do Estado para o evento. Ele ressaltou o total alinhamento do modelo de governan?a para a Copa de 2014 com o que foi apresentado pelo ministro Orlando Silva na abertura do encontro, sustentado em grupos tem?ticos, que tratam da observ?ncia de a??es ambientais, aproveitamento da copa para mostrar a diversidade cultural, refor?ar o esporte como ferramenta educacional, al?m de tratar da transpar?ncia e do monitoramento das a??es referentes ao evento.
O secret?rio informou que dever? ser assinado, nos pr?ximos 15 dias, o termo de coopera??o entre Prefeitura de Salvador e o Governo do Estado para defini??o do trabalho conjunto para a realiza??o da Copa de 2014.
Campello disse que j? encaminhou as cartas consulta para o BNDES e para a Caixa Econ?mica Federal para a contrata??o de financiamentos voltados ? constru??o do novo est?dio da Fonte Nova e dos projetos de mobilidade urbana, em Salvador. A comunica??o foi importante para mostrar que a Bahia j? fez seu dever de casa.

Prazo
O ministro Orlando Silva lembrou aos demais participantes que nenhuma cidade poder? adiar o efetivo in?cio das obras de constru??o ou moderniza??o de est?dios para depois do dia 3 de maio de 2010.
?O compromisso n?o ? com a Fifa, mas com o Brasil?, ressaltou o ministro, ao lembrar ainda que, pelo fato de este ser um ano eleitoral, o prazo para contratar financiamentos com o governo federal encerra-se no dia 3 de junho, conforme a lei. ?O alerta foi dado, as condi??es foram oferecidas e eu confio que as cidades cumprir?o com seus compromissos?.
Os interlocutores do comit? sugeriram, entre outras propostas, que as constru??es das arenas para a Copa obtivessem isen??o de impostos e tributos. O ministro ficou de estudar a proposta.
Os representantes tamb?m discutiram com Orlando Silva as a??es promocionais da Copa 2014 que ser?o realizadas nos meses de junho e julho, durante a Copa 2010, na ?frica do Sul. O secret?rio Ney Campello defendeu uma participa??o de destaque da Bahia, por Salvador ser a cidade-sede com maior grau de identidade com a ?frica do Sul, do ponto de vista ?tnico.
?Somos a maior cidade negra fora do continente africano e teremos a oportunidade de apresentar a diversidade da cidade de Salvador neste evento, quem sabe possamos mostrar um pouco do carnaval baiano?, sugeriu Campello.
Campello falou do andamento das a??es da Secopa para a constru??o do novo est?dio da Fonte Nova. A Bahia est?, rigorosamente, cumprindo o calend?rio da Fifa. J? foi firmada, em janeiro deste ano, a Parceria P?blico Privada (PPP) com o cons?rcio Odebrecht/OAS. Foi tamb?m instalado o canteiro central, que j? est? em funcionamento, e est? em curso a vistoria cautelar para que a demoli??o do est?dio seja feita em abril.
?A reuni?o foi uma iniciativa importante do governo federal que ajudar? as cidades-sede a promover o acompanhamento dos projetos em termos de prazo e or?amento, de maneira articulada e apoiada pela tecnologia de informa??o direcionada ao sistema de monitoramento do Comit? de Responsabilidades?, concluiu o secret?rio.
O encontro marcou mais um passo rumo aos preparativos para a Copa 2014. Em 11 de janeiro deste ano, foi assinado, entre as 12 cidades, os governadores e o presidente Lula, o Pacto Federal da Copa do Mundo de 2014. A matriz de responsabilidades tem como objetivo a defini??o das atribui??es dos entes federados com intuito de viabilizar a execu??o das a??es governamentais necess?rias para realiza??o da Copa das Confedera??es FIFA 2013 e da Copa do Mundo FIFA 2014.

Investimentos
Para o Estado da Bahia, o acordo prev? a reconstru??o da Fonte Nova, com investimento de R$ 591 milh?es e a implanta??o de um sistema de mobilidade urbana, outra aplica??o no valor de R$ 567,7 milh?es, que ir? estabelecer a liga??o vi?ria entre pontos fundamentais de circula??o da capital baiana, como o Aeroporto, Iguatemi, Acesso Norte e est?dio.

Monitoramento
Durante a reuni?o, foi apresentado aos representantes das sedes um sistema de monitoramento das obras que ser? adotado para as a??es voltadas ao Mundial. O mecanismo vai colher informa??es, acompanhar o cronograma de execu??o de cada cidade, para evitar imprevistos. O governo federal poder? fiscalizar a evolu??o das constru??es e reformas.
Segundo Orlando Silva, ? um acompanhamento em tempo real que ser? alimentado com base em informa??es das cidades, de modo que a gest?o aconte?a sem riscos. ?O objetivo ? evitar atrasos e garantir a efici?ncia das instala??es. Haver? uma presta??o de contas peri?dica, a cada dois meses, com um balan?o das iniciativas de prepara??o da Copa no Brasil, para que toda a sociedade possa tomar conhecimento?.

Fonte: Not?cias da Bahia