Encontro discute queima de espadas

A coordena??o do S?o Jo?o 2010, a Secretaria Municipal de Esporte, Cultura e Lazer, as pol?cias Civil e Militar, espadeiros, organizadores do casamento do CEAT (Col?gio Estadual Alberto Torres) e da festa do Sele?o debatem com o Minist?rio P?blico nesta ter?a-feira (25/05), ?s 10h, no F?rum Tancredo Neves, a queima de espadas durante os festejos juninos.

A inten??o das institui??es ? organizar hor?rios e locais para acontecer a tradicional queima de espadas. Outra id?ia dos participantes do encontro ? debater com os espadeiros regras e crit?rios sobre o di?metro do artefato.

A Prefeitura de Cruz das Almas tem promovido reuni?o com os espadeiros nos ?ltimos cinco anos para tentar acordar algumas regras para a realiza??o da queima de espadas. Outra a??o ? a campanha Espadeiro Consciente Respeita a Vida.

O trabalho permitiu a diminui??o do n?mero de queimados desde que foi implantada (acompanhe quadro comparativo) a campanha. Nesses anos a redu??o de feridos atendidos durante o festejo junino diminuiu em 50%. ?Vamos trabalhar para que tradi??o e cidadania caminhem juntos?, disse o secret?rio de Esporte Cultura e Lazer, M?rio Ara?jo.

Uma das principais manifesta??es juninas da Bahia, a “guerra de espadas” de Cruz das Almas (142 km de Salvador) re?ne ao menos 10 mil pessoas, de acordo com a Pol?cia Militar. Com roupas e ?culos especiais, botas e m?scaras para se proteger dos foguetes, os “guerreiros” come?am a chegar ? concentra??o com at? tr?s horas de anteced?ncia para o in?cio do “conflito”. Para se diferenciar em meio ? multid?o, os “combatentes” de um grupo costumam usar as mesmas cores de camisa.

Apesar de a Justi?a e a Prefeitura de Cruz das Almas terem delimitado um espa?o para a “guerra”, quem mora no centro da cidade costuma fechar com tapumes as suas resid?ncias para evitar que estilha?os atinjam principalmente as janelas, as portas e as antenas de televis?o. A batalha come?a no hor?rio combinado entre os “grupos rivais” _normalmente, depois das 22h. As mais famosas batalhas na cidade acontecem na noite do dia 23 e durante a tarde de 24. (Com informa??es Ascom Prefeitura de Cruz das Almas)