Apesar de escândalos, usuários continuam fiéis ao Facebook

Uma pesquisa divulgada no último domingo pela agência de notícias Reuters com a empresa de pesquisas Ipsos aponta que a maioria dos usuários do Facebook permanece fiel à rede social digital, apesar do escândalo do uso indevido de milhões de dados pessoais pela consultoria política Cambridge Analytica.

De acordo com os dados do estudo, metade dos usuários dos Estados Unidos não mudou a rotina na rede social, e um quarto dos entrevistados afirmou que estava usando o Facebook ainda mais do que antes. Os outros 25% afirmaram que estão usando menos recentemente, pararam de usar ou deletaram as contas.

A pesquisa (disponível nesse link em inglês) também mostrou que apenas 3% dos participantes dizem ter encerrado a conta. E que 4% alegam que mantiveram suas contas, mas deixaram de acessá-la.

Os resultados indicam que o Facebook, até então, não sofreu mais do que um pequeno revés com os efeitos negativos do episódio.

Trata-se de uma pesquisa digital, conduzida entre os dias 26 e 30 de abril, em inglês, por todo os Estados Unidos. Foram 2.194 respondentes, incluindo 1.938 usuários de Facebook, 1.167 do Twitter e 1,237 do Instagram, com margem de erro de 3%.

Entre todas essas pessoas, 64% afirmaram usar o Face ao menos uma vez por dia, um pouquinho menos do que os 68% que afirmaram a mesma coisa numa pesquisa similar que foi conduzida em março, logo depois da eclosão do caso Cambridge Analytica.

*Correio




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *