Pai, filha e piloto morrem em queda de avião em Cascavel, no Paraná

Um avião de pequeno porte caiu no fim da tarde deste domingo, 17, e provocou a morte de três pessoas em Cascavel, no interior do Paraná. Outra vítima ficou ferida em estado grave.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a queda aconteceu por volta das 17h40 na altura do quilômetro 7 da rodovia PR-486, que faz a ligação entre a BR-467, em Cascavel, e a PR-323, na cidade de Perobal.

Ainda na noite de domingo, o clube de lazer Cascavel Country Club afirmou que uma das vítimas foi o cardiologista e presidente do clube, Eduardo Borsarini Philippi. Em nota de pesar publicada nas redes sociais, o clube lamentou “a partida de uma grande pessoa, de ideais progressitas e de respeito às pessoas”.

A filha de Philippi, Fernanda, de 12 anos, também morreu no acidente. A mãe dela – mulher do médico – sobreviveu, foi resgatada em estado grave e levada ao Hospital Universitário de Cascavel. A família voltava de viagem após passar o feriado da Proclamação da República no litoral de Santa Catarina.

A outra vítima que morreu foi o piloto da aeronave, Magnus Boeno Padilha, de 32 anos.

No Facebook, a West Wings Escola de Aviação Ltda, empresa para a qual Padilha prestava serviço, lamentou a morte do piloto.

“É com muito pesar que informamos sobre a morte do nosso grande amigo e companheiro de jornada. A sua morte nos pegou de surpresa e o levou de nós repentinamente”, publicou a escola de aviação. “Deixamos os nossos mais sinceros pêsames aos familiares e amigos. Descanse em paz, comandante Magnus.”

As causas do acidente aéreo serão investigadas.

*Terra