Homem tem mal súbito e morre dentro de ônibus; família reclama da demora para remoção de corpo

ônibus parou em frente aoi Hospital de Wenceslau Guimarães. Foto: Reprodução/Rede social

Um homem de 59 anos morreu vítima de infarto no interior de um ônibus da Viação Camurujipe, na tarde deste sábado (2). O ônibus seguia de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo da Bahia, com destino ao município de Aiquara, no Médio Rio de Contas.

O passageiro, identificado como Gerinaldo Almeida Girardi, embarcou no ônibus por volta das 10h. No trajeto, ele passou mal e teve um infarto. O motorista do ônibus socorreu o homem e o levou ao Hospital Municipal de Wenceslau Guimarães.

Segundo informações da sobrinha da vítima, Taylane Girardi, o corpo de Gerinaldo chegou à unidade hospitalar sem sinais vitais. Ela publicou um vídeo nas redes sociais para reclamar da demora pela remoção do corpo.

“Gente, estou aqui na cidade de Wenceslau Guimarães, meu tio faleceu dentro do ônibus da Camurujipe, eles tentaram prestar socorro, isso desde o meio dia. Já são quase oito horas da noite e até agora não apareceu IML, ninguém da empresa. Veio uma polícia aqui e não soube dar uma notícia e isso é um absurdo”, lamentou a mulher.

A demora na remoção do corpo foi criticada por internautas nas redes sociais. “É um descaso com a família da vítima”, disse um usuário. “Isso é um absurdo, o homem morreu e o corpo fica horas dentro do ônibus”, comentou outro.

Segundo o site Jitaúna em Dia, o corpo de Gerinaldo foi transladado por um veículo de funerária ao Instituto Médico Legal (IML) de Jequié, por volta das 22h.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia