Mesa Diretora da AL-BA é notificada pelo Ministério Público sobre “Caso Binho Galinha”.

Foto: reprodução

De volta ao plenário da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) após ausência na Casa, o deputado estadual Binho Galinha (PRD) deve ver o avanço na apuração de seu caso na AL-BA.

Ao Bahia Notícias, o deputado estadual Samuel Jr. (Republicanos) confirmou que a Mesa Diretora já recebeu a notificação para manifestação sobre o caso.

“Existe uma notificação do Ministério Público. Fomos citados”, disse. Primeiro o órgão deu ciência à Casa sobre o processo e, alguns dias depois, encaminhou um pedido de posicionamento sobre a situação.

Binho Galinha é considerado alvo da Operação El Patron, deflagrada, em Feira de Santana.

A ação cumpriu 10 mandados de prisão preventiva, 33 mandados de busca e apreensão, bloqueio de bloqueio de R$ 200 milhões das contas bancárias dos investigados e o sequestro de 40 propriedades urbanas e rurais, além da suspensão de atividades econômicas de seis empresas.

A mensagem do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), setor do Ministério Público, que atua no caso, deve acelerar então a instalação da Comissão de Ética da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA).

Segundo informações, Marcinho Oliveira irá deixar a liderança do União Brasil, deixando à cargo do deputado Sandro Régis (União), assumindo a missão de conduzir o colegiado.

O próprio líder da oposição, deputado estadual Alan Sanches (União) acredita que se faz necessária a reinstalação do Conselho de Ética na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) para apurar esse tipo de caso.

O presidente da Casa, Adolfo Menezes (PSD), durante o pequeno expediente da sessão da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), da última terça-feira (27), alertou os líderes para indicarem os integrantes para a Comissão de Ética da Casa, cabendo cinco para a Maioria, dois para Minoria e um para o Bloco Independente.

A comissão deve ser instalada na próxima semana.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia