Polícia Federal faz busca e apreensão em duas prefeituras do interior da BA

Foto: Polícia Federal faz busca em prefeituras e secretaria da BA

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta sexta-feira (24) uma operação contra uma quadrilha especializada em fraudar licitações na Prefeitura Municipal de Jeremoabo. De acordo com a PF, os suspeitos superfaturaram contratos de transporte escolar, com o objetivo de desviar dinheiro usando “laranjas” para intermediar as transações.

Desde as primeiras horas da manhã, cerca de 30 policiais federais cumprem seis mandados de busca e apreensão nas cidades de Jeremoabo e Paulo Afonso, incluindo a sede da Secretaria Municipal de Educação de Jeremoabo. O objetivo é coletar elementos que fortaleçam as evidências de fraudes e desvios de recursos públicos, além de identificar outros possíveis envolvidos ainda não detectados.

A operação, denominada JERIMUM, faz alusão à origem do nome do município Jeremoabo, que provém do Tupi e significa “plantação de abóboras”. A ação visa desarticular um esquema criminoso que celebrava contratos irregulares, usando “laranjas” como proprietários das empresas contratadas para ocultar o verdadeiro beneficiário da fraude. O grupo criminoso também alterava a razão social das empresas para disfarçar a continuidade das atividades ilícitas ou incluía novas empresas do mesmo grupo nas licitações fraudulentas.

A quadrilha agia até mesmo por meio de pregões eletrônicos, manipulando o processo ao não disponibilizar todos os documentos e links necessários para a participação de outras empresas no certame. Eles dificultavam o acesso para a inclusão e envio de documentos, o que resultava na desclassificação das empresas participantes e restringia a concorrência.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia