Representantes da SESAB dialogam com os Hospitais Luís Argolo e INCAR sobre assistência às vítimas da explosão da Fábrica de Fogos em SAJ

A visita é resultado da última reunião, ocorrida na segunda-feira, 27, que contou com a participação do Governo Federal, em Salvador

Imagem: Divulgação/ Secretaria de Justiça e Direitos Humanos

Na última terça-feira (28), representantes da Sesab se reuniram com gestores dos hospitais Luís Argolo (filantrópico) e INCAR (privado) para discutir a ampliação e formalização dos serviços de saúde para familiares e vítimas da explosão da Fábrica de Fogos em Santo Antônio de Jesus.

A diretora de Contratos da Sesab, Luana Nunes, e Joana Araújo, do setor de Regulação, lideraram a visita. Estiveram presentes também representantes da Coordenação do Núcleo Regional e da Diretoria de Atenção Especializada da Saúde do município.

“Identificamos as principais demandas do município e dialogamos com os gestores sobre como podemos ampliar os serviços no Hospital Luís Argolo e formalizar a parceria com o INCAR. Todos os envolvidos saíram da reunião com resoluções definidas. A prioridade agora é formalizar novos contratos e aditivos para garantir o atendimento integral às vítimas e suas famílias”, afirma Luana Nunes.

A reunião em Salvador na segunda-feira (27) teve como objetivo principal construir uma agenda para o cumprimento integral da sentença da Corte Interamericana de Direitos Humanos, que condenou o Estado Brasileiro pelas violações de direitos das 63 pessoas afetadas pela tragédia em 11 de dezembro de 1998.

Representantes do Instituto 11 de Dezembro, criado para apoiar as vítimas e seus familiares, apresentaram suas principais reivindicações, com foco nas áreas de saúde e desenvolvimento socioeconômico. Entre as medidas reparatórias estão a criação de projetos para promover o desenvolvimento da região, atendimento prioritário na rede pública de saúde e pagamento de indenizações.

A reunião defendeu a cooperação técnica entre os órgãos dos governos federal, estadual e municipal para formular ações que fortaleçam os direitos das vítimas e reduzam os impactos da tragédia em suas vidas.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia