Feriado de Corpus Christi termina com cinco mortes na Bahia

Comparado ao ano passado, houve um aumento de 17% no número de acidentes

Foto: Divulgação

O feriadão de Corpus Christi na Bahia terminou tragicamente com cinco mortes e 55 acidentes nas rodovias federais, conforme dados divulgados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A operação especial, que se estendeu de 29 de maio a 2 de junho, visou intensificar ações educativas e de fiscalização para garantir a segurança dos viajantes.

Comparado ao ano passado, houve um aumento de 17% no número de acidentes, passando de 47 em 2023 para 55 em 2024. Entre esses, 17 foram considerados graves, resultando em pelo menos um óbito ou ferido grave.

Apesar do aumento no número de acidentes, o número de óbitos reduziu de oito em 2023 para cinco este ano, representando uma diminuição de 37%. Ao todo, 63 pessoas ficaram feridas.

Durante os cinco dias de operação, a PRF fiscalizou 5.562 veículos e 6.645 pessoas, emitindo 3.727 autuações. As infrações por ultrapassagem em local proibido, que frequentemente resultam em colisões frontais, somaram 785 autuações, representando um aumento de 35% em comparação ao ano anterior. Em média, foram mais de seis infrações por hora.

Além disso, foram emitidos 544 autos de infração pelo não uso do cinto de segurança e 47 pela falta do capacete em motocicletas. O transporte inadequado de crianças, sem cadeirinha ou outros dispositivos de retenção, resultou em 40 autuações.

No combate à alcoolemia, a PRF realizou 4.003 testes com o bafômetro, autuando 64 motoristas sob efeito de álcool. A fiscalização de velocidade resultou em 826 autuações.

Os policiais rodoviários também prestaram auxílio a 115 motoristas que enfrentaram problemas mecânicos ou se envolveram em acidentes sem vítimas.

Além disso, as equipes removeram 27 animais soltos das rodovias, reduzindo o risco de acidentes.

Um total de 184 toneladas de excesso de peso foram retiradas das rodovias, já que o excesso de carga pode levar a falhas mecânicas, comprometendo a estabilidade dos veículos e aumentando a probabilidade de acidentes graves.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia