Após processo de fertilização in vitro, mulher de 57 anos dá luz a neto

Foto: Hospital São José/ Reprodução

A história do casal Luan Vitor Lima e Bruno Pinheiro é uma história de amor, solidariedade e superação. O sonho de ser pais, que parecia impossível, foi realizado graças ao gesto de amor da mãe de Luan, Nágela Almeida.

Nágela, uma mulher de 57 anos, sempre sonhou em ser avó. Quando seu filho lhe contou que queria ser pai com o marido, Bruno, ela não hesitou em oferecer-se para ser a barriga de aluguel. “Levi veio para mostrar que o amor sempre vence”, disse Luan ao G1.

O casal, que se conheceu em 2019, no Hospital São José, em Fortaleza., passou por um longo processo de exames e preparação antes de iniciar a gestação. O embrião foi gerado em laboratório e transferido para o útero de Nágela, que deu à luz ao pequeno Levi em 2 de agosto de 2023. 

“Tomei um susto e achei que ela estivesse ficando louca. Passei semanas processando a ideia até concordar e decidir buscar a opinião de um médico especialista em fertilização”, lembrou Luan.

Para a fertilização in vitro, o casal usou o óvulo de uma doadora anônima e usaram os seus espermatozoides. O embrião foi gerado em laboratório e, finalmente, transferido para o útero de Nágela, que começou o processo quando tinha 56 anos.

O nascimento de Levi foi um momento de grande alegria para toda a família. Luan e Bruno estão radiantes com a chegada do filho e agradecem a Nágela pelo seu gesto de amor.

“A paternidade é um grande sonho para nós, somos muito ligados à família, e um filho irá deixar nossa ligação ainda mais forte”, disse Bruno.

O casal agora pretende aumentar a família através de adoção. Eles estão num processo de espera para adoção, que começou ainda antes da possibilidade de Nágela carregar o filho dos dois.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia