Senador de São Paulo gastou em 12 meses, R$ 145,4 mil em combustível; entenda

Foto: Reprodução/Redes Sociais

O senador por São Paulo, Alexandre Giordano (MDB), utilizou nos últimos 12 meses R$ 145,4 mil da cota parlamentar para despesas com combustível, o que equivale a cerca de 25 mil litros. Esse volume seria suficiente para realizar cinco voltas ao redor da Terra ou cruzar o Brasil, do Oiapoque ao Chuí, 45 vezes.

Os dados, levantados pelo portal Metrópoles com base nas prestações de contas do senador no Portal da Transparência do Senado, consideraram o preço médio do litro da gasolina, que foi de R$ 5,87 na segunda semana de maio, conforme registrado pela Agência Nacional do Petróleo (ANP), e um consumo médio de 10 km por litro.

De acordo com as informações do Portal da Transparência, os valores foram gastos em 21 postos de gasolina diferentes. A maior parte, R$ 69 mil, foi destinada ao Auto Posto Mirante, localizado na zona norte de São Paulo, que é a base eleitoral de Giordano. Outros R$ 66 mil foram pagos ao Auto Posto Irmãos Miguel, um estabelecimento na cidade de Morungaba.

Em nota, o senador reiterou os argumentos apresentados ao Ministério Público Federal (MPF) sobre a realização de pagamentos de abastecimentos em dias diferentes, mas contabilizados em uma única data.

“Os gastos com combustíveis são realizados nos postos indicados por questões logísticas e seguem as normativas do Senado Federal, sendo estritamente relacionados ao desempenho das atividades parlamentares”, declarou a nota.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia