Governo cancela cerimônia que anunciaria Auxílio Brasil de R$ 400

Governo cancela cerimônia que anunciaria Auxílio Brasil de R$ 400
Foto: O Globo

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) resolveu cancelar a cerimônia de lançamento do Auxílio Brasil, que aconteceria nesta terça-feira (19) a partir das 17 horas.

O programa, que vai substituir o Bolsa Família, deveria começar a ser pago já no mês de novembro e era o grande trunfo do presidente para um reaquecimento da economia visando a eleição de 2022. Ele pretende pagar R$400 por mês para 17 milhões de famílias.

No entanto, o auxílio sempre foi alvo de críticas dentro do governo, principalmente do Ministro da Economia Paulo Guedes e seu entorno, que estavam reticentes de onde sairia o dinheiro para que o projeto saísse do papel sem furar o teto de gastos.

A Assessoria do Ministério da Cidadania anunciou em nota que o evento estava cancelado e não deu mais informações.

Os presidentes do Senado e da Câmara Rodrigo Pacheco (PSD-MG) e Arthur Lira (PP-AL),  respectivamente, eram esperados na cerimônia.

De acordo com sua agenda oficial, o Ministro da Economia Paulo Guedes teve uma reunião para tratar sobre o Programa de Parceria de Investimentos no Palácio do Planalto das 16h30 até às 17h.