Corpo do radialista santoantoniense Renan Rocha é sepultado em Salvador

O corpo do radialista baiano Renan Rocha foi sepultado na tarde deste domingo, 27, no cemitério Bosque da Paz, em Salvador. Conhecido nas transmissões esportivas como ‘Explosivo’, Renan, de 57 anos, morreu na noite de sábado, 26, por falência múltipla dos órgão. Ele lutava contra um tumor no cérebro.

Ao longo de sua carreira, Renan passou por diversas rádios no estado. Nascido em Santo Antônio de Jesus, ele iniciou sua trajetória na Rádio Clube, prestou serviços como técnico na Rádio Andaiá FM e, ao ir para a capital baiana, teve passagens por Rádio Sociedade e Rádio Vida. Seu último trabalho foi na Excelsior, comandando a equipe dos “Feras da Bola”.

Um de seus principais trabalhos ocorreu durante a Copa do Mundo de 2010, onde ele cobriu diretamente da África do Sul. Além disso, Renan ainda participou coberturas da Copa América, Copa Sul-Americana e muitas outras.

Antes de a bola rolar neste domingo para a partida entre Bahia e Internacional, a Federação Baiana de Futebol (FBF) determinou que houvesse a realização de um minuto de silêncio em homenagem ao falecimento do radialista.

*ATarde