Vitória perde premiação milionária com eliminação na Copa do Brasil

Foto: Paula Fróes/CORREIO

O Vitória foi eliminado da Copa do Brasil 2024, na mesma etapa pelo Botafogo, após sofrer duas derrotas. A queda afetou o clube financeiramente.

A meta da gestão rubro-negra para a temporada era avançar, no mínimo, às oitavas de final da competição. Sem cumprir o objetivo, o clube baiano deixa de faturar a ‘bolada’ de R$ 3,465 milhões. Esse dinheiro é referente à premiação das oitavas de final e, portanto, cairá na conta do adversário carioca.

O Botafogo já havia ganhado o duelo de ida por 1×0, no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro. Na partida de volta, mais um triunfo: 2×1 no Barradão. Luiz Henrique e Júnior Santos balançaram as redes para o alvinegro, enquanto Daniel Júnior descontou para o Vitória.

Deste modo, o Leão saiu do torneio mata-mata com uma premiação de R$ 5,46 milhões. Isso porque, apesar de ter entrado diretamente na terceira fase, o clube teve direito a receber o bônus das três fases anteriores: R$ 1,47 milhões, R$ 1,785 milhões e R$ 2,2025 milhões.

A eliminação na terceira fase da Copa do Brasil se torna o segundo objetivo não conquistado pelo Vitória para a temporada. Outra meta frustrada era chegar à final da Copa do Nordeste. Mas o time passou longe disso: acabou caindo de forma precoce, ainda na fase de grupos. Por outro lado, faturou o título do Campeonato Baiano – o plano era chegar à decisão estatual.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia