Ian Holm, ator de “O Senhor dos Anéis”, morre aos 88 anos

O ator Ian Holm, que esteve em O Senhor dos Anéis, morreu aos 88 anos, nesta sexta-feira (19), em um hospital de Londres, vítima das complicações relacionadas ao mal de Parkinson. O representante do artista emitiu uma nota oficial lamentando sua perda.

“É com muita tristeza que [anuncio que] o ator Sir Ian Holm faleceu esta manhã aos 88 anos. Ele morreu pacificamente no hospital, com sua família e cuidador. Encantador, gentil e ferozmente talentoso, sentiremos muito a sua falta”, disse.

Em sua carreira, Holm se mostrou um ator versátil e interpretou tudo no cinema, desde andróides até mesmo hobbits. .

Os últimos dias de Holm foram documentados em uma série de retratos em tons pastel por sua esposa, Sophie de Stempel. Em 1981, ele ganhou um Bafta e foi indicado ao Oscar, como melhor ator coadjuvante, pelo filme Chariots of Fire, mas encantou uma nova legião de fãs quando interpretou Bilbo Bolseiro na trilogia O Senhor dos Anéis.

Holm nasceu em 1931 em Essex, onde seu pai era superintendente do hospital psiquiátrico da West Ham Corporation; mais tarde, ele descreveu sua infância como “uma existência bastante idílica”. Apaixonado por atuar desde muito novinho, ele foi de Rada, em Londres, ao teatro Shakespeare Memorial, em Stratford, passando a fazer parte da Royal Shakespeare Company, fundada em 1960.

Em sua última aparição pública, ele recebeu um prêmio do Newport Beach Film Festival no The Langham Hotel, no dia 29 de janeiro deste ano, em Londres. No início deste mês, ele enviou uma mensagem lamentando por não poder participar de uma reunião virtual da trilogia O Senhor dos Anéis.

“Infelizmente não posso vê-los pessoalmente. Sinto falta de todos vocês e espero que suas aventuras os tenham levado a muitos lugares. Estou trancado em minha casa de hobbit ou azinheira”, escreveu.

Ele deixa sua mulher, Sophie De Stempel, e cinco filhos de relacionamentos anteriores. O ator também já foi casado com a atriz britânica Penelope Wilton.

*Globo