Ministro da Saúde diz que crianças devem ser vacinadas sob prescrição médica

Ministro da Saúde diz que crianças devem ser vacinadas sob prescrição médica
Foto: Divulgação / Senado Federal

Após abertura de consulta pública que objetiva avaliar a autorização da vacinação infantil contra a covid-19 no país, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, confirmou nesta quinta-feira (23) que o governo federal irá vacinar crianças de 5 a 11 anos, porém é necessário requisitar prescrição médica e assinatura de termo de responsabilização pelos pais. Essas exigências não são necessárias em outros grupos de vacinação.

“O documento que vai ao ar é um documento que recomenda a vacina da Pfizer . Nossa recomendação é que não seja tratada de forma obrigatória. Essa vacina estará sujeita à prescrição médica, e a recomendação obedece às orientações da Anvisa”, disse Queiroga.

Segundo o ministro da saúde, a decisão de como será a vacinação em crianças será anunciada no dia 5 de janeiro, “se todos concordarem com o que estamos colocando em consulta pública”, disse.

A consulta pública já está disponível no site do Ministério da Saúde e ficará aberta até 2 de janeiro de 2022.

Fonte: Bahia.ba