Arroz: primeira carga importada a tarifa zero chega na segunda quinzena de outubro

Integrantes do governo que monitoram o preço do arroz informaram ter indícios de que o represamento de estoques que levou à alta de preços ocorreu na etapa anterior à dos supermercados, ou seja, nos atacadistas. Nem produtores, nem varejo ganharam com o aumento do produto, indicam informações internas. As primeiras levas do arroz importado com alíquota zero começam a chegar na segunda quinzena deste mês. Foram negociadas 225 mil toneladas dos EUA, Índia e Guiana.

As quantidades encomendadas representam mais da metade do limite proposto pelo governo até 31 de dezembro, de 400 mil toneladas.

O deputado Alceu Moreira (MDB-RS), presidente da Frente Parlamentar Agropecuária, afirma que em novembro começa a ser colhida a safra de arroz de Santa Catarina. Com isso, ele não acredita que o governo precisará ampliar o volume de importação da cota.

Fonte: Política Livre/ Folha de S.Paulo