Mais de 1 milhão usuários podem renegociar dívidas com a Embasa

Os usuários dos serviços oferecidos pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) tem até o dia 22 de dezembro para quitar os débitos junto ao órgão estadual, através de condições de pagamento facilitadas. A ação, além da extinção da dívida, envolve, entre outras vantagens, prazo estendido para pagamento da entrada e anistia de juros e multas. A estimativa é a de que pelo menos 1 milhão de pessoas estejam nesta situação em todo o estado, de acordo com a empresa.

Os interessados em resolver a questão podem realizar uma simulação das formas de pagamento através da agência virtual da Embasa, com acesso via web ou por aplicativo, pela plataforma WhatsApp, no número (71) 99908-9001) ou pelo tele-atendimento (0800 0555 195). Conforme a estatal, a simulação do pagamento da dívida por esse meio permite que os usuários com débito conheçam as facilidades oferecidas e organize, de acordo com as respectivas conveniência e capacidade de pagamento, a melhor forma de quitar as contas atrasadas.

Mas, quem ainda preferir o atendimento presencial, o órgão está retomando a atividade de seus postos na rede do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) em todo estado. Além das várias opções de acesso ao suporte e simulação do pagamento facilitado de contas atrasadas, os usuários dos serviços da Embasa ainda podem fazer o pagamento da conta por cartão de crédito ou cartão Elo Caixa do Auxílio Emergencial.

Para negociar a dívida, é preciso que o usuário seja o responsável pela matrícula e tenha em mãos, na hora do atendimento, RG e CPF. Caso seja preciso atualizar o cadastro para alterar a titularidade da matrícula, é necessário apresentar também um comprovante de vínculo com o imóvel (escritura, compra e venda, contrato de aluguel, carnê do IPTU, conta da Coelba).

“Esses canais permitem que o usuário ache a oferta que melhor se adequa à sua condição econômica com segurança e comodidade”, afirmou a gerente comercial da Embasa, Thalita Vieira, salientando que a campanha foi pensada para dar apoio aos usuários dos serviços da Embasa que tiveram perda de renda, devido ao isolamento social necessário para conter a pandemia de Covid-19, e estão com dificuldade econômica para retomar suas atividades. “Mas as facilidades de pagamento também valem para débitos adquiridos antes da pandemia”, disse.

Fonte: Tribuna da Bahia