Venda de veículos novos sobe 9,55% em setembro

As vendas de veículos novos atingiram em setembro os níveis mensais pré-pandemia, na avaliação da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). A entidade divulgou nesta sexta-feira (2) que no mês passado o emplacamento de veículo cresceu 9,55% frente a agosto. Foram comercializadas em setembro 328.233 unidades, contra as 299.628 do período imediatamente anterior.

No comparativo com o mesmo mês de 2019, a o setor fechou setembro com retração de 2,57%, mas a entidade vê o cenário como próximo daquele de fevereiro, antes de a Covid-19 ser declarada como pandemia. “Apesar de ter o mesmo número de dias úteis de agosto (21), o volume de setembro foi mais elevado”, destacou o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior.

Entre janeiro a setembro de 2020, foram emplacados 2.132.549 veículos, o que representa retração de 27,77%, na comparação com o mesmo período do ano passado (2.952.347 unidades). “O mês de setembro, como já era esperado, registrou o maior volume de emplacamentos de 2020. O mercado vem se recuperando, visivelmente, desde julho, impulsionado pela manutenção da taxa Selic em níveis baixos”, conclui o presidente da Fenabrave.