Laboratório de drogas com maconha e crack é desarticulado pela polícia em Feira de Santana

Um laboratório de tratamento e preparação de drogas, montado dentro de uma casa no distrito de Tiquaruçu, em Feira de Santana, a 109 km de Salvador, foi desarticulado pela polícia. O fato, que foi divulgado pela Polícia Civil neste sábado (19/9), ocorreu na quinta-feira (17/9).

Segundo a polícia, o laboratório foi descoberto durante uma ação conjunta, realizada por equipes da 1ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) e da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) de Feira, além da Coordenação de Operações Especiais (COE).  Na ação 50 quilos de maconha, divididos em 32 tabletes, 20 pacotes e dois sacos,  e mais dois quilos de crack, separados em  em dois recipientes, foram apreendidos.

Um forno micro-ondas, 10 sacos com uma substância química de cor branca e outros produtos utilizados para o preparo de crack e cocaína também foi apreendido no imovel. Suspeitos fugiram do local com a chegada dos policiais e ninguém foi preso. cia. O material foi encaminhado para a perícia do Departamento de Polícia Técnica (DPT).

“Desarticulamos a produção, o armazenamento e por consequência, a distribuição dessas drogas. Porém, continuaremos as ações, com a finalidade de prender todos os envolvidos”, afirma o coordenador da 1ª Coorpin/Feira, delegado Roberto Leal, ao destacar a importância da ação.