Diretor de hospital é sequestrado no interior da Bahia; Criminoso foi paciente na unidade

Foto: Divulgação

O diretor do Hospital Municipal de Capela do Alto Alegre, Erivan dos Santos Lima foi sequestrado, na noite desta segunda-feira (3).  Erivan estava em casa, quando um grupo de homens armados invadiu a residência onde estava com a família.

Segundo a polícia, a ação começou com três bandidos, que entraram na casa do gestor, por volta das 20h. “Os assaltantes desconfiaram que a vítima era um médico, pelo fato de terem duas picapes Touro e uma moto zero na porta de casa. E aí foram certo para roubar, acreditando também que a vítima tinha dinheiro dentro de casa”, contou o delegado de Serrinha, Edemir Luchini. Um dos carros é do irmão do diretor. Nenhum dos dois é médico.

Como não encontram dinheiro e objetos valiosos, os bandidos decidiram levar Erivan, enquanto a família dele ficou trancada na casa. Dois assaltantes saíram com o diretor em uma das picapes e o terceiro criminoso seguiu na moto da vítima. Eles seguiram pela BR 349 no sentido Nova Fátima, que fica 25 km de distância. No entanto, a polícia perseguiu os bandidos até a cidade vizinha, onde a ação terminou com a vítima livre e um dos ladrões morto.

“Levaram ele (Erivan) para forçar um tipo sequestro relâmpago, tanto que a vítima me contou que um dos assaltantes pediu para ele ligar para um familiar pedindo a quantia de R$ 30 mil para poder liberar ele. Só que nesse momento que estavam dentro do carro, a Polícia Militar chegou e começou a perseguição”, disse o delegado.

Os veículos foram perseguidos por uma viatura de Capela do Alto Alegre, e a operação ganhou reforço dos policiais de Nova Fátima que montaram uma barreira às margens da BR 324 na saída para Riachão do Jacuípe. Os criminosos ultrapassaram o obstáculo e houve troca de tiros. O homem que estava na moto conseguiu fugir.

“Os policiais atiraram no pneu do carro, que parou e o motorista saiu armado. Ele trocou tiros com os policiais e acabou morto. Já o outro saiu apontando a arma para a cabeça da vítima e os policiais não atiraram. Aí ele começou a arrastar a vítima para dentro do matagal e sumiram. Os policiais ficaram meia hora procurando no matagal até encontrar a vítima sozinha. O assaltante acabou saindo na BR-324, onde foi resgatado por um quarto comparsa”, disse o delegado

O criminoso que morreu na troca de tiros é Alef Barbosa da Silva, de 28 anos, natural de Conceição de Jacuípe. Com ele, a polícia apreendeu um revólver e uma quantidade de maconha.

Erivan dos Santos Lima é o atual diretor do Hospital Municipal São Lucas e já foi presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e secretário executivo do Consórcio Público de Desenvolvimento Sustentável do Território Bacia do Jacuípe.

Em depoimento na 15ª Coorpin, Erivan disse que reconheceu Alef como sendo um dos pacientes atendidos recentemente na unidade médica. “A vítima disse que já tinha visto o assaltante no hospital”, contou o delegado.

Fonte: Correio